Sinta a música dentro de você!

Fim de semana que vem vou para minha primeira grande Rave. A XXXperience, que será realizada na Fazenda Maeda em Itu. Bom, nem preciso falar que só tenho escutado música eletrônica em casa estes dias né? Bom, mas o que me anda empolgando (além de saber que a Dali vai na XXX) é sobre sons que mexem com a nossa mente e sentimentos. Até que ponto a música nos influencia? É isso que vamos falar no assunto de hoje aqui no Torque Team.

“brake out, feel the music, hear the sound…..ops, já me empolguei aqui!”

Há algum tempo atrás, baixei um Dj brasileiro chamado Kanuak. Segundo minha fonte de pesquisa de música eletrônica, o Psyplanet, este Dj aprendeu a criar uma sonoridade diferente, que mexe com os sentimentos das pessoas. Não pensei duas vezes para baixar né! E já comecei fazendo alguns testes com umas cobaias, quero dizer, amigos. E comecei logo com um integrante do blog, o Jo e logo depois com outro amigo meu, que vou denominá-lo aqui como “Tosko-Pô”.

Os resultados sonoro-sentimentais:

Jô: ao começar a primeira música do CD, já começou se empolgando com o som. Logo começou a estralar os dedos acompanhando o som da música e em 10 minutos, já estava animado, dirigindo o carro e ao mesmo tempo agitando (perigoso para alguns, mas não para um piloto como ele!)

Tosko-Pô: Ficou louco no carro, não parava de berrar, dizia que estava feliz, dava risadas extremamente altas, curtiu o som, e até puxou meu freio de mão de brincadeira…. é, foi bem arriscado este teste, mas estava com “Deus” no carro e tudo deu certo no final hehehehe.

Conclusão: Apesar do medo que passei no último caso, conclui que a música realmente influenciou nos testes. Mas, será que o Kanuak descobriu um som que exalta nossos sentimentos? Talvez sim, talvez não, mas a verdade é que a música em si (quando bem feita) tem um poder enorme para mexer com nossos sentimentos.

A música na nossa vida.

Quando você está feliz, você prefere uma música animada. Uma música suave em momentos de relaxamento. Uma boa música eletrônica lhe dá vontade de dançar! Uma música romântica te deixa mais apaixonado (se estiver) ou te deixa na merda total (se levou uma bota). Coloque um Trash Metal e você ficará com vontade de bater até no seu próprio amigo só por diversão! E um “bom” emocore te faz chorar que nem um…um….um EMO!

Não há dúvidas que a música mexe conosco! Um bom filme de terror ou suspense não seria tão assustador sem uma trilha sonora sombria. Tente assistir sem som, apenas com imagens: você vai passar menos medo do que com o som ligado com um volume alto, com certeza. O mesmo vale para os romances, com aquelas músicas que fazem você chorar no fim. E pra comédia? Aquela trilha sonora animada, sempre com sons engraçados.

“sinta a música dentro de você!”

Para finalizar, quero colocar a conversa de um grande amigo meu, o Guigo, que me inspirou a postar sobre isso (no momento ele anda curtindo um reggae):

Fábio: – Você anda curtindo um reggae então?
Guigo: – É que eu descobri que é o som que vem da luz do sol!!!
Fábio: – Hein?
Guigo: – A exatamente 17:30 você vai na varanda da sua casa e olha os últimos raios do sol, tomando uma cerveja e curtindo um reggae, ae você vai entender…

Até agora não consegui entender hahahaha, mas provavelmente é o mesmo que acontece comigo quando estou ouvindo um hard rock no meu carro em um dia ensolarado. Me dá uma grande felicidade e já penso: “como é bom estar vivo!

E você? Que tipo de som muda seus sentimentos?

Agradecimento: Guigo e as cobaias, ops, amigos Jô e ToskoPô e ao Deus daqui da Terra e o outro lá em cima lógico!!!
Fonte de pesquisa: Psyplanet (aqui tem o Kanuak, recomendado).

Anúncios

8 comentários sobre “Sinta a música dentro de você!

  1. Cara, to me sentindo melhor como comentarista do que como colunista, tanto você como a Giulia Italiani tem mandado bem nos tópicos e acertado nas idéias!

    Ta, eu ia colocar um KANUAK para viajar e comentar este post no melhor dos estilos… Mas minha internet não esta cooperando, assim, fico com ao som da banda que eu mais gosto – DREAM THEATER.

    Confesso, inicialmente fiquei um pé atrás quando você citou a musica eletrônica, imaginando que o tópico iria circular apenas nesse estilo de som, mas no desenrolar você cita que cada estilo de musica causa um efeito, e por experiência própria e recente pesquisa eu concordo absolutamente!

    Há anos deixei de ouvir apenas o rock, apesar de ainda ser meu estilo preferido, mas creio que a musica é um complemento de espírito, ela reflete seu estado e o altera de acordo com o que você deseja.

    Independente do estilo da pessoa, a musica tem o poder de fascinar todos, eu particularmente ouço musica da hora que acordo até o momento que vou dormir.

    Para finalizar, parabenizo por mais um excelente post, e RECOMENDO muitíssimo a adesão das musicas do KANUAK, para os que nunca ouviram, vale a visita ao myspace do cara!

  2. giiu

    😮 o que fiz para ser chamada pelo meu nome todo?! HAUAHUAH

    muito bom o tópico, ainda não ouvi musicas dele. mas não duvido que tenham efeito sobre mim, ando elétrica sem a música… hahahahhaha

    bom, “mas creio que a musica é um complemento de espírito, ela reflete seu estado e o altera de acordo com o que você deseja.” exatamente Jo, sem o que tirar nem por. hahaha =) sou um tanto quanto eclética, e estou de total acordo.

    sobre o reggae do Guigo… Fabinho, continua tentando, porque a hora que você entender o poder de um reggae ao fim de tarde… já era, tá no reggae \o/ hahahaha *ando em uma fase muito chimarruts*

    é isso gente, fabinho se superando!
    ;**

  3. emily.mih

    eu preciso falar algo? minha vida é a musica…
    eletronica, rock, pop, classica..o que for Musica de verdade!

    Minha paixao começou a 10 anos atras qdo comecei a cantar e tocar violino… Não sei nem decifrar o que é a musica pra mim ! é um sentimento inexplicavel..

    eu nao vou poder ir na xxx 😦 ooooooooo tristeza viu ><

    mass.vamos que vamos.
    amei o post. de verdadE! mesmo vc nao me consultando ! hahahaha

    bjo
    amo voces

  4. Ótimo coment Jooo!!! Agora pra Giu, aaahh, eu naão me vejo ouvindo um reggae não viu haahah, não é muito lá minha praia…. mas vai saber né, o mundo dá voltas né, ahahaha.

    Oooo Mih, foi mal, esqueci q vc é “musiquista” euaheuaheau ^^”

    Obrigado a todos pelos coments 😉

  5. Gustavo Tatu

    Ta…posso naum entender de reggae…..como o grande guigo…mas…

    nossa…não tem nada melhor do que escutar um bom folk quando saio do trampo…acalma… relaxa…
    ou entaum,….por incrível que pareça….um bom viking metal na academia…puxando ferro…. da um pique do caramba…

    realmente,….musica mexe na vida das pessoas! hehehehehe

    diz ai fabinho…..velhas virgens tocando no ultimo … indo uma vez pra casa da shun! huauhauhahuauhhuauha

  6. Gustavo Tatu

    Po…Fabinho…ferrou o barraco agora…

    eu entendi o que o Guigo quis dizer com “A exatamente 17:30 você vai na varanda da sua casa e olha os últimos raios do sol, tomando uma cerveja e curtindo um reggae, ae você vai entender…”

    Mano…realmente….combina com a situação…resolvi experimentar pra ver se dava certo….
    não é que bate mesmo?!

    cara…da um relaaaaaaaaxxxxxxx

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s